18 de fevereiro de 2010

da amizade

Esta manhã
vi um botão de rosa
... a chorar!
Logo quis dizer-lhe,
-como costuma dizer-se às criancinhas:
és feio a chorar!
Mas, não pude:
ele era ainda mais belo assim!
Tive pena
pois, gostaria de o animar;
porém, mais não pude que p'ra ele olhar...
e ele, a chorar...

Depois veio o Sol:
vi-o espreitar, ao longe, na serra
e, logo a correr, o botão beijar!
E o botão abriu-se,
sorriu,
deixou de chorar!

O Sol
e o lindo botão de rosa
devem ser muito amigos!...

Foto: Google Imagens

2 comentários:

Carlos Albuquerque disse...

Gostei de encontrar este Sol, que veio a correr beijar um botão de rosa, tirando-lhe o choro, deixando-lhe um sorriso!
Fez-me pensar que, tal como este Sol, por aí deveriam existir muitas mãos a acariciarem rostos de crianças desejando-lhes sorrisos nas faces.
Um abraço

valvesta disse...

Existe um chorar de dentro...
O sol não aquece.